MEDICINA
Projetos
MEDPlus

Tendo em conta as alterações e incertezas que têm ocorrido no panorama médico nacional, torna-se cada vez mais importante o investimento numa formação médica completa, particularmente através da aquisição de um conjunto de competências transversais em Medicina, complementares à formação médica e científica oferecida pelos planos curriculares das faculdades portuguesas. Estas compreendem, assim, um conjunto de competências genéricas que, a par dos conhecimentos específicos de cada área científica, contribuem para um melhor acesso ao emprego, facilitam a integração no mundo do trabalho e promovem a cidadania responsável.

II Jornadas Médicas da NOVA

As II Jornadas Médicas da NOVA são um congresso de dois dias focado nas temáticas atuais de Educação Médica. Através de palestras, sessões, mesas redondas e workshops, pretende desafiar e ajudar os estudantes da NMS|FCM a participarem no debate sobre as questões essenciais da Educação Médica bem como a instigarem a investir na sua formação médica a par da sua formação científica.

PECLICUF

Este objectivo tem como objetivo de permitir aos estudantes dos anos clínicos um conhecimento diversificado das várias especialidades, através de um processo de rotação constante pelos diversos serviços e Hospitais, por vezes o contacto com as especialidades de interesse torna-se insuficiente para a aquisição dos conhecimentos necessários.

Como tal, acreditamos que a oferta de formação prática extracurricular é uma mais-valia, permitindo aos estudantes o aperfeiçoamento das suas competências práticas.

O PECLICUF pretende, assim, facilitar a transição da teoria para a prática clínica, providenciando uma oportunidade de enriquecimento e valorização curricular e pessoal dos participantes, através do contacto com profissionais de saúde de diversas áreas e da participação no dia-a-dia de uma clínica ou Hospital.

CIÊNCIA E FORMAÇÃO
PIATI

A investigação médica constitui um dos pilares essenciais inerentes à formação médica. Assim, não deve ser somente entendida como uma carreira alternativa à carreira clínica, uma vez que constitui, por si só, uma das componentes essenciais a uma formação médica integral e completa. Deste modo, torna-se essencial o desenvolvimento de projectos que permitam aos futuros médicos iniciar desde cedo a sua carreira científica, fornecendo as bases necessárias para o conhecimento de técnicas básicas de investigação, processos de revisão científica e de métodos de translação do laboratório para a clínica e vice-versa. O PIATI pretende, assim, ser um projecto pioneiro, procurando progressivamente integrar, de forma mais eficaz, os estudantes de medicina no panorama da investigação médica nacional, contando para isso com a colaboração do CEDOC.

FORMAÇÃO+

A área da Formação+ assume como missão oferecer aos estudantes a oportunidade de enriquecer o currículo e as suas competências através da organização de inúmeros workshops e palestra nas diversas áreas de interesse como,por exemplo, workshop em Electrocardiografia e Arritmologia e um ciclo de palestras em Neurologia - NEUROday, assim como proporcionar momentos de discussão e complementaridade ao plano curricular. A equipa compromete-se a ir ao encontro dos principais interesses dos alunos, de forma a complementar e aprofundar as principais áreas procuradas pelos alunos.

EDUCAÇÃO MÉDICA

A Comissão da Qualidade do Ensino corresponde ao orgão de governação do sistema de garantia da qualidade do ensino (SGQE), na unidade orgânica (UO) que é a Nova Medical School | Faculdade de Ciências Médicas de Lisboa. A esta compete-lhe analisar os relatórios de auto-avaliação e de avaliação externa, elaborados no contexto de avaliação periódica dos ciclos de estudos; aprovar o relatório anual sobre o funcionamento do SGQE e a qualidade do ensino; aprovar as questões a serem incluídas na documentação de base de monitorização dos ciclos de estudos e de avaliação das unidades curriculares, de acordo com as necessidades específicas da Faculdade de Ciências Médicas.
Como Unidade Orgânica da Universidade Nova de Lisboa, a Faculdade de Ciências Médicas preza pelo ensino de excelência, veiculado por programas académicos competitivos a nível nacional e internacional, e tal só é possível se existir não só um sistema de garantia da qualidade que funcione, mas principalmente se existir entre todos os membros da unidade orgância uma cultura de qualidade do ensino, que assegure a melhoria contínua da mesma.